100%

Homenagem a vereadores mortos em outros Estados

Por iniciativa do vereador, Pedro Paulo Souza, foi concedido um minuto de silêncio em luto pela morte de vereadores em outros Estados brasileiros e o sargento da polícia militar de Chapecó, Claudecir Barrivueno, executado no domingo, 18. A homenagem aconteceu antes de iniciar as discussões previstas na ordem do dia na sessão na Câmara de Vereadores de Araranguá desta quarta, 21.
 
Solidário a situação em que as famílias das vítimas se encontram, o vereador, Paulo, lembrou dos crimes, em especial, do assassinato da vereadora carioca, Marielle Franco, na semana passada no Rio de Janeiro, e a morte do suplente de vereador de Magé/RJ, Paulo Teixeira, na terça, 20. “Temos que nos colocar no lugar das famílias destas vítimas e lembrar que acima de tudo, estes vereadores representavam suas cidades. É lamentável os motivos que estão sendo noticiados, inclusive a morte do sargento da PM que estava de folga. A violência precisa ser discutida em todos os níveis, inclusive no nosso município. Todos estamos vulneráveis e isso precisa acabar”, disse.  
 
De acordo com dados da União dos Vereadores do Brasil, entre 2017 e 2018, vinte e três prefeitos e vereadores foram assassinados. A maioria pela mesma razão: motivação política. Em Santa Catarina, na cidade de Brunópolis, o último caso registrado foi do vereador, Ademir Patel, morto a tiros em Junho do ano passado após se envolver em uma discussão em um posto de combustíveis.
Protocolos desta Publicação:Criado em: 21/03/2018 - 20:41:55 por: Morgana Costa Daniel Kindermann - Alterado em: 21/03/2018 - 20:41:55 por: Morgana Costa Daniel Kindermann

Notícias

Vereadores aprovam criação da Semana Municipal do Autismo
Vereadores aprovam criação da Semana Municipal do Autismo

De acordo com o projeto, na primeira semana do mês de Abril, a administração municipal através de suas secretarias competentes deverá promover campanhas publicitárias e institucionais, seminários, palestras e cursos sobre o transtorno

Vereador propõe criação de fundo para atender somente pavimentações de ruas
Vereador propõe criação de fundo para atender somente pavimentações de ruas

Os recursos do FMP, caso criado pelo Executivo, devem ser usados para financiar projetos de pavimentação, atender às diretrizes e metas contempladas na legislação municipal que verse sobre a política de pavimentação e conservação das vias públicas e adquirir equipamentos ou implementos necessários a execução destes trabalhos.